icone buscar
Alunos de Fisioterapia fazem atendimentos no Asilo

Alunos de Fisioterapia fazem atendimentos no Asilo

terça-feira, 09 de março de 2010.
Alunos de Fisioterapia fazem atendimentos no Asilo

 
 
Os alunos do 7o período do curso de Fisioterapia do UNIFOR-MG realizam estágio extracurricular na área de Saúde do Idoso, no Asilo São Francisco de Assis, em Formiga/MG. Os atendimentos são realizados às segundas, quartas e quintas, das 7 às 12 horas. Divididos em grupos, os acadêmicos fazem um revezamento, a cada seis dias, para que possam trabalhar nos outros locais de atendimento. O estágio acontece também no Vila Esporte Clube e na CLIFOR (Clínica Escola de Saúde do UNIFOR-MG).

Os alunos do 7o período do curso de Fisioterapia do UNIFOR-MG realizam estágio extracurricular na área de Saúde do Idoso, no Asilo São Francisco de Assis, em Formiga/MG. Os atendimentos são realizados às segundas, quartas e quintas, das 7 às 12 horas. Divididos em grupos, os acadêmicos fazem um revezamento, a cada seis dias, para que possam trabalhar nos outros locais de atendimento. O estágio acontece também no Vila Esporte Clube e na CLIFOR (Clínica Escola de Saúde do UNIFOR-MG).

 

Segundo a fisioterapeuta Juana Feres Lima, supervisora do trabalho desenvolvido no Asilo, os alunos atendem, em dupla, uma média de três pacientes por dia. "Antes de dar início ao atendimento, nos reunimos para a discussão dos casos clínicos, quando o perfil de cada paciente é traçado, além de indicado o melhor tratamento. Durante o estágio, os alunos utilizam, principalmente, técnicas de terapia manual. Além disso, usam muita criatividade, aliada aos conhecimentos adquiridos na sala de aula, para ganho de alongamento e força muscular, melhora da amplitude de movimento, coordenação motora e equilíbrio. Os alunos também utilizam acessórios desenvolvidos por eles mesmos para ajudar na conduta que irão adotar. É um trabalho baseado em treino de marcha, ganho de controle postural, exercício para melhora das atividades diárias, assim como prevenção de outras patologias que os pacientes podem vir a adquirir", explica.

 

A professora também fala sobre a importância deste trabalho, por favorecer alunos e pacientes. "O estágio é essencial por dois motivos: ajuda os idosos, que recebem mais atenção e desfrutam de mais dias de atendimento fisioterápico, e permite aos alunos uma vivência única, colocando-os em contato com a prática clínica. É uma gama muito rica de aprendizado", diz a supervisora.

 

Para finalizar, a fisioterapeuta comenta a dedicação dos alunos durante o estágio. "Os acadêmicos gostam muito de trabalhar com os idosos, que são bastante carentes e precisam de muito carinho e atenção. Por esse motivo, os estudantes percebem a riqueza de conhecimentos que adquirem durante este trabalho e a possibilidade de atuação prática, vivenciando tudo o que aprendem na teoria", conta.

 

Os atendimentos são voltados apenas aos pacientes internos da Instituição.

 {mosimage}

fique por dentro

PARTICIPE DA CAPACITAÇÃO EM METODOLOGIAS ATIVAS DE APRENDIZAGEM
9 de agosto de 2022

PARTICIPE DA CAPACITAÇÃO EM METODOLOGIAS ATIVAS DE APRENDIZAGEM

DOAÇÃO – IRMANDADE DE CONGADEIROS
9 de agosto de 2022

DOAÇÃO – IRMANDADE DE CONGADEIROS

AGOSTO LILÁS
9 de agosto de 2022

AGOSTO LILÁS

Skip to content