icone buscar
Estudantes do UNIFOR-MG assistem à palestra sobre Toxoplasmose

Estudantes do UNIFOR-MG assistem à palestra sobre Toxoplasmose

sexta-feira, 14 de maio de 2010.
Estudantes do UNIFOR-MG assistem à palestra sobre Toxoplasmose


Os estudantes dos cursos de Medicina Veterinária, Enfermagem e Ciências Biológicas assistiram à uma palestra sobre “Toxoplasmose: nova abordagem para os profissionais da saúde”, no dia 7 de maio. O palestrante foi o médico veterinário Prof. Dr. Welber Daniel Donatti, que tratou o assunto no âmbito da saúde animal e humana.

A palestra foi ministrada no Salão Nobre do UNIFOR-MG “Eunézimo Lima”, no período da manhã, para os alunos de Medicina Veterinária e, à noite, para os estudantes de Enfermagem e Ciências Biológicas.

A toxoplasmose é uma zoonose de distribuição mundial. É uma doença infecciosa, congênita ou adquirida, causada pelo protozoário Toxoplasma gondii. Ocorre em animais de estimação e produção, como suínos, caprinos, aves, animais silvestres, cães, gatos, e a maioria dos vertebrados terrestres homeotérmicos (bovinos, suínos, cabras, etc.). Acarreta abortos e nascimento de fetos mal formados. O tema atraiu a atenção e o interesse dos alunos dos cursos da área da saúde.

Segundo explicou o Prof. Dr. Welber, geralmente, se uma mulher foi contaminada antes de ficar grávida, o feto ficará protegido, uma vez que a mãe desenvolveu imunidade. “Se a mulher for infectada pelo toxoplasma durante a gravidez ou pouco antes de engravidar, pode passar a infecção para o feto (transmissão congênita). Os danos ao bebê, geralmente, são mais graves, quanto mais cedo a transmissão ocorrer. Algumas consequências podem ser: aborto espontâneo, bebê natimorto, dentre outros. Os bebês infectados antes do nascimento, geralmente, não apresentam sintomas ao nascer, porém, desenvolvem-nos, posteriormente, como perda potencial da visão, convulsões e retardamento mental”.

De acordo com o Prof. Ms. Dênio Garcia, o tema foi de relevância para os estudantes, pois a doença existe em todo o mundo. “Mais de metade da população, mesmo em países desenvolvidos, tem anticorpos específicos contra o parasita, o que significa que ou está ou já esteve infectada. O ser humano é infectado após ingerir oocistos expelidos com as fezes por gatos infectados ou ao comer carne mal cozida de um animal que tenha ingerido o parasita de fezes de felídeos (ovelhas, vacas e porcos, tal como os humanos são infectados). Levando em conta também que o modo de contaminação mais comum é ingerindo carne mal cozida e contaminada”.

 

{mosimage}
{mosimage}
O palestrante Prof. Dr. Welber Donatti falou sobre a doença nos aspectos animal e humano

fique por dentro

PRAZO PARA SOLICITAÇÃO DE DEPENDÊNCIA NO SISTEMA PAE TERMINA NO DIA 11/09
16 de agosto de 2022

PRAZO PARA SOLICITAÇÃO DE DEPENDÊNCIA NO SISTEMA PAE TERMINA NO DIA 11/09

OPORTUNIDADE PARA ALUNOS DE ADMINISTRAÇÃO
12 de agosto de 2022

OPORTUNIDADE PARA ALUNOS DE ADMINISTRAÇÃO

ATENÇÃO: INSCRIÇÕES PARA O FIES TERMINAM NO DIA 12/08
11 de agosto de 2022

ATENÇÃO: INSCRIÇÕES PARA O FIES TERMINAM NO DIA 12/08

Skip to content